Tecnologia do Blogger.

Livro: Flavio Josefo – História dos Hebreus




Querido leitor,
Você que nos honra com a sua visita neste blog, que trata de ciência e história (que é uma ciência também), acredito que seja porque você também anseia o conhecimento de tempos e séculos anteriores que podem nos ajudar a entender como tudo é o que é, hoje.





Em se tratando da História dos Hebreus, um autor conhecido como Flávio Josefo, historiador judeu à serviço de Roma, realizou uma pesquisa de campo que exigiu vários e longos anos, em vários volumes, e é muito citado quando se busca entender o contexto histórico deste povo e, consequentemente, de Jesus e de outros personagens bíblicos, pois viveu no século I. Portanto, conheceu pessoalmente muitos dos acontecimentos descritos na Bíblia.







Sendo assim, trata-se de uma fonte histórica e, portanto, científica, que nos auxilia a elucidar alguns fatos descritos na Bíblia.









Clique aqui para baixar o livro completo


Escreveu um relato da Grande Revolta Judaica, dirigida à comunidade judaica da Mesopotâmia, em língua aramaica. Escreveu, depois, em grego, outra obra de cariz histórico que abarcava o período que vai dos Macabeus até à queda de Jerusalém. Este livro, a Guerra dos Judeus, foi publicado em 79. A maior parte do livro é directamente inspirada na sua própria vida e experiência militar e administrativa.



As Antiguidades Judaicas (escritas cerca de 94 em grego) é a história dos Judeus desde a criação do Génesis até à irrupção da guerra da década de 60. Acrescentou, no final, um apêndice autobiográfico onde defendeu a sua posição colaboracionista em relação aos invasores romanos. O seu relato, ainda que com um paralelismo evidente em relação ao Antigo Testamento, não é idêntico ao das escrituras sagradas. Há quem defenda que estas diferenças se devam à possibilidade de Josefo ter tido acesso a documentos antigos (que remontariam até à época de Neemias) que teriam sobrevivido à destruição do templo. A maior parte dos académicos não dá crédito a tal suposição. Neste livro encontra-se o famoso Testimonium Flavianum, uma das referências mais antigas a Jesus, mas considerada por alguns estudiosos uma interpolação fraudulenta posterior.

Contra Apião é outra obra importante deste autor, onde o Judaísmo é defendido como religião e filosofia realmente clássica, em contraponto às tradições mais recentes dos gregos. O livro serve para expor e refutar algumas alegações anti-semíticas de Apião, bem como mitos antigos, como os de Maneton.

Sua última obra, foi uma autobiografia (Vida de Flávio Josefo), que nos revela o nome do adversário ("Justo de Tiberíades", filho de Pistos), ao qual essa obra vem responder e as censuras que lhe faz Josefo. Essa obra é cheia de lacunas, confusa e hipertrofiada. E ela traz sobre a vida de Josefo informações preciosas, que não encontramos em nenhum outro historiador da antiguidade.

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

links

os melhores blogs evangélicos

2leep.com

top visitas

agregadores

About This Blog

  © Blogger template Shush by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP