Tecnologia do Blogger.

Qual a origem da cor 'negra'?


"Como se explica a existência das raças em todo o mundo, mormente no que tange à cor 'negra' da pele?"


Sobre sua origem das raças, existem inúmeras opiniões de escritores, antropólogos, sociólogos e biólogos, tentando responder a essas perguntas, mas preferimos ficar com a Bíblia, que ensina que todos os homens são descentes de uma casal único. Depois do dilúvio havia uma só família sobrevivente - a de Noé, o qual teve filhos: Sem, Cam (Cão) e Jafé. Os filhos, netos e bisnetos do patriarca bíblico constam dos capítulos 10 e 11 de Gênesis, sendo, portanto, os nossos ancestrais: Atos 17:26.




A divisão nas Escrituras é esta: de Sem derivam os semitas, dos quais o Senhor Jesus, segundo a carne, descende. Eles habitavam na Ásia e são conhecidos pelo zelo religioso que possuíam; os canaanitas (provenientes de Cão) viviam, via de regra, no continente africano, e distinguem-se pela sua pujança* física; os descendentes de Jafé, que, após a confusão das línguas (Gen. 11:1-9), emigraram para a Europa. Esta raça é caracterizada pela atividade intelectual.


Quanto à diferença de cor, todos somos seres humanos, criados por Deus, descendentes de Adão e Eva, mas existem pigmeus e gigantes, negros, brancos e amarelos. Portanto, tentar explicar esta coloração, por especulações antropológicas e biológicas, não passa de uma tentativa infundada.




Ressaltamos, ainda, que, para explicar a cor dos homens pela maldição de Noé, proferida sobre Canaã, ou pelo sinal que Deus colocou em Caim, não passam essas teorias de hipóteses inócuas, sem nenhuma concordância com o ensino das Escrituras Sagradas.







A Marca de Caim 
Qual foi o “sinal” que Deus colocou em Caim? (Gn 4:15) 


Algumas pessoas têm sugerido, especulativamente, que o sinal que Deus colocou em Caim foi a cor negra, que acabou dando origem ao povo africano. Essa teoria, porém, é completamente destituída de fundamentação bíblica e de comprovação histórica. 


Para entendermos melhor o assunto, devemos reconhecer, em primeiro lugar, que esse sinal não foi um sinal de maldição, mas de proteção. Foi somente depois de amaldiçoado pelo assassinato de seu irmão Abel (Gn 4:8-12) que Caim recebeu de Deus sinal, “para que o não ferisse de morte quem quer que o encontrasse” (Gn 4:15). 


Devemos lembrar também que a raça humana pós-diluviana derivou dos três filhos de Noé (Gn 7:13; 10:1-32), que eram descendentes de Sete (ver Gn 5) e não de Caim, o que elimina praticamente a possibilidade da perpetuação de qualquer característica genética de Caim. 


Quer esse “sinal” (hebraico ‘oth) tenha sido realmente uma marca visível colocada sobre a pessoa de Caim, como querem alguns, ou apenas um sinal a ele mostrado como garantia de proteção, como sugerem outros, o certo é que não dispomos de informações suficientes para identificá-lo mais precisamente. Isso significa que toda e qualquer tentativa de uma identificação exata desse sinal não passa de mera conjectura artificialmente imposta ao texto bíblico. 



O Pr. Marco Feliciano tem sua teoria. Ele diz:

- Há uma maldição forte e estranha na bíblia. A maldição de Noé sobre seu neto Canaã, filho de Cam. Pq desta maldição?


- Lembrando q de Cao, veio Canaa, de Canaã vem Pute, de Pute Mizrain e deles os q povoaram a Etiópia. África!!! Vamos lá quem responde?


- Gn.9 onde Cão ri da nudez do pai, é polemico. Alguns eruditos afirmam q a palavra rir aponta pra prazer entao o filho abusa da nudez do pai


- Sendo possivelmente o 1o. Ato de homossexualismo da história. A maldição de Noé sobre canaã toca seus descendentes diretos, os africanos.


- A maldição q Noe lança sobre seu neto, canaã, respinga sobre continente africano, dai a fome, pestes, doenças, guerras étnicas!


- Toda nação pagã parecem atraírem desgraças. A bíblia diz: Bendita é a nação cujo Deus é o Senhor! A cura esta em Cristo!


- Africanos descendem de ancestral amaldiçoado por Noé. Isso é fato. O motivo da maldição é a polemica. Não sejam irresponsáveis twitters rsss





Alguns ainda, tomam outra posição, afirmando que o clima, o ambiente, a alimentação, a educação e outros fatores, influenciaram no aspecto da cor. Mas a Bíblia Sagrada no seu escopo global mantém a divisão de Gênesis, não entrando no mérito da questão nem no âmbito discriminativo dela. Com efeito, lemos no Novo Testamento de um descendente de Cão, salvo e batizado (At. 8:26-40); de um semita de nome Saulo (At.9) e de um descendente de Jafé, todos convertidos e batizados. O prezado leitor tem de convir que, se invertêssemos a pergunta sobre a coloração branca, teríamos os mesmos problemas, as mesmas interrogações e especulações.


O jornalista e escritor Miguel Vaz, no seu livro Um caminho para os jovens, analisa o assunto dizendo:


"Não há, de fato, uma opinião firmada, quanto à cor da pele dos homens, nas Escrituras, mesmo porque a Bíblia não cita textualmente pessoas de pele clara ou escura, a não ser em Cantares de Salomão, onde aparece a morena, e isso metaforicamente. Mas moreno não é preto. A sabedoria de Deus não revela esse assunto, justamente para evitar polêmicas sobre a cor da pele dos seus servos e para mostrar que em Deus não há acepção de pessoas." (Rom. 2:11)


FONTE: OUÇA A PALAVRA DO SENHOR

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

links

os melhores blogs evangélicos

2leep.com

top visitas

agregadores

About This Blog

  © Blogger template Shush by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP