Tecnologia do Blogger.

A Cura da Mulher com Fluxo de Sangue




 Uma história emocionante e de Fé, esta que fala da cura da mulher com fluxo de sangue. 

As mulheres no primeiro século, eram naturalmente vistas como inferiores aos homens.

E esta mulher em questão, nem por seu nome era conhecida. Ficou marcada como a mulher do fluxo de sangue. 

O livro de Mateus, capítulo 9:19-22, informa que ela estava enferma havia doze anos. Tinha gastado todos os seus bens com médicos, buscando a cura, sem sucesso. Certamente esta mulher vivia mais reclusa em casa do que as outras mulheres.

Havia um preconceito enorme da sociedade em se aproximar de uma pessoa com tal enfermidade. Todo aquele que tocasse uma mulher com fluxo de sangue, seria considerado impuro.

"Mas a mulher, quando tiver fluxo, e o seu fluxo de sangue estiver na sua carne, estará sete dias na sua separação, e qualquer que a tocar, será imundo até à tarde." Levítico 15:19

A perda contínua de sangue causa muita fraqueza no enfermo. Entretanto, a dor maior era talvez não da doença física, mas da doença social. Não poder se confraternizar, viver sem amigos, não poderia se casar. A própria família evitaria contato com ela, pois eram todos religiosos.


Assim a mulher do fluxo de sangue, em uma busca incessante por sua cura, de médico em médico, em uma medicina baseada no empirismo, que mal conhecia a anatomia humana, pois a lei cerimonial não permitia que se tocasse em mortos, mesmo que fosse para estudar o corpo humano.

Ela segue receitas, toma chás de diversas raízes, utiliza de tudo, consome todo seu patrimônio, mas não consegue a cura do seu mal.

A Mulher do Fluxo de Sangue permaneceu nessa luta por doze anos. Reclusa em casa, pois poderia ser apedrejada se tocasse as pessoas na rua. Porém quando ouviu falar que o messias prometido, Jesus, estava por perto, a fé genuína se acendeu no seu íntimo.

"Porque dizia consigo: Se eu tão-somente tocar a sua roupa, ficarei sã." 
Mateus 9:21


A Cura da Mulher com Fluxo de Sangue

E ela em um esforço arriscado de fé, resolveu em seu coração, que sairia de casa e enfrentaria o preconceito, a discriminação e a multidão. Sem ninguém que pudesse ajudá-la, ela se chega a Jesus, buscando tocar-lhe a orla de seu vestido.

Jesus que estava a caminho da casa de Jairo para curar sua filha, era apertado e oprimido por uma multidão, que parecia mais uma platéia de espetáculo. Muita gente ali, mas estavam com o coração fechado. Buscavam ver algo de Jesus, como se busca ver um número de um mágico.

"E disse Jesus: Quem é que me tocou? E, negando todos, disse Pedro e os que estavam com ele: Mestre, a multidão te aperta e te oprime, e dizes: Quem é que me tocou?" Lucas 8:45

No meio de uma multidão incrédula, Jesus percebe um toque de fé, um toque de paz. O poder e a virtude do mestre, estavam como sempre estiveram, esperando por um coração sincero, que acreditasse na vontade de Deus em salvar o ser humano.


A mulher com Fluxo de Sangue: Tocar na Orla do Vestido de Jesus

"E disse Jesus: Alguém me tocou, porque bem conheci que de mim saiu virtude." Lucas 8:46

Deus não resiste a um coração sincero e contrito! Quando Deus encontra com um coração quebrantado, ele fica alegre, pois fica incapaz de dizer não!

Que doces e confortantes palavras a mulher do fluxo de sangue pôde ouvir de Jesus, "filha vai, a tua fé te salvou"!



fonte: Rudecruz

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

links

os melhores blogs evangélicos

2leep.com

top visitas

agregadores

About This Blog

  © Blogger template Shush by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP